Política e falta de modéstia

25/08/2006

Me lembro que, há poucos anos atrás, não era costume dar nome de monumentos a pessoas vivas. Nomes de rua, avenidas, teatros – só depois que a homenageado falecesse. Alguns até achavam que dava azar homenagear alguém vivo! Mas de uns tempos pra cá a coisa relaxou. Começou com homenagens a pessoas que já tinham vivido uma vida longa, e que se retiravam da vida pública. Mas com o tempo a coisa foi piorando… e hoje, qualquer presidente de clube acha de bom tom colocar seu nome em uma sede social, ou coisa que o valha. Coisas da política. Mas um pouco mais de modéstia não faria mal nenhum.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: